Notícias do Sinpol-MS

Projeto de Lei prevê transformar crimes contra agentes de segurança pública em atos de terrorismo

Nesta quinta-feira, o presidente do Sinpol e vice-presidente da Cobrapol, Giancarlo Miranda, participou de uma audiência pública em Brasília, na Câmara dos Deputados, sobre o projeto de lei 443/19, de autoria do deputado Gurgel, que prevê transformar os crimes contra agentes da segurança pública em atos de terrorismo.

O tema foi amplamente discutido pela Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado, dentro da audiência pública proposta pelos deputados Santini, do Rio Grande do Sul, e Capitão Alberto Neto, do Amazonas. Na ocasião, Giancarlo explanou sobre as dificuldades enfrentadas diariamente pelos policiais civis de todo país e relembrou casos de colegas que não tiveram respaldo do Estado ao exercerem suas funções.

“Além de tratar as facções criminosas como terrorismo, temos que considerar terrorismo também o descaso do Estado, que é omisso ao valorizar o policial, ao não dar condições de trabalho, em não dar o tratamento adequado às forças policiais numa reforma da previdência. Esperamos que daqui pra frente tenhamos um tratamento igualitário e condições e trabalho, porque nós policiais defendemos o Brasil” declarou.


Parceiros

volta ao topo