Notícias do Sinpol-MS

Policial Civil participa de Exposição de Xilogravura na Orla Ferroviária

Divulgação

O Escrivão de Polícia Judiciária Rodrigo Lopes apresenta neste mês de agosto, a exposição: Estação Ferroviária de Campo Grande e Cercanias: Imagens Singulares na Linguagem da Gravura. De acordo com Rodrigo, o projeto propõe abordar elementos da história de Campo Grande como ponto central da pesquisa. “O tema com enfoque na Ferrovia surgiu inicialmente envolvendo locais de expressão da ferrovia no MS, locais peculiares em cada cidade abrangida pela mesma, onde o trem fosse objeto central, já que a ferrovia fascina e representa para o campo-grandense, o início do desenvolvimento da região”, explica.

As obras desta série de gravuras abordam elementos da história da Ferrovia em Campo Grande, retratando locais peculiares deste importante complexo de transporte e comércio, um local que é referência para o desenvolvimento de nossa cidade.

O Policial Civil esclarece ainda que complexo ferroviário é formado pelo prédio da Estação Ferroviária, o armazém, o conjunto de manutenção de máquinas, a marcenaria e a vila ferroviária, sendo que a vila foi construída para que os funcionários da NOB residissem ao redor da estação. Algumas casas, com arquitetura no estilo europeu, tinham maior extensão, melhores acabamentos e serviam de residências aos engenheiros e diretores da NOB.

O Rodrigo explica que a Xilogravura foi a técnica escolhida para  expressar os detalhes e a singularidade dessas construções. Segundo ele, a linguagem artística proporciona múltiplos da mesma imagem, exigindo precisão no ato o de gravar, o desenho na matriz e a impressão de cópias. “Um meticuloso processo, onde o artista utiliza matriz de madeira para entalhar o desenho, deixando em relevo os elementos que definem a imagem”, finaliza.

A exposição acontece de 4 a 29 de agosto e a abertura será nesta quinta-feira (3), às 19h30min, na Plataforma Cultural, localizada na Avenida Calógeras – 3015. A exposição tem apoio da SECTUR – Secretaria Municipal de Cultura e Turismo.

 

Fonte: Assecom PCMS


Parceiros

volta ao topo