Esportes

Esporte muda a vida de policiais civis e família hoje é campeã

Fonte: O Estado

Em meio a correria do dia a dia, o jiu-jitsu virou a ponte para aproximar um pouco mais a família da policial civil Lucimara Jara, 35 anos. No entanto, o caminho começou a ser traçado pela filha do meio, Giovanna Jara, de 14 anos, que motivou os outros dois irmãos e os pais a seguirem na modalidade. Hoje todos competem e são campeões estaduais.

“A Giovanna sempre quis o jiu-jitsu. Tentei levar no balé e ela não levou jeito, também não gostou de outras lutas. Quando ela tinha dez anos levei ao jiu-jitsu e ela se apaixonou”, conta Lucimara. A mãe viu os filhos Murilo Augusto, de nove anos, e Ana Paula Jara, de 16 anos, seguirem o caminho da irmã. Por fim, ela e o marido policial civil, Augusto César Barreto, 42 anos, também vestiram o quimono e se renderam a modalidade.

“Foram eles que passaram para a gente. Foi acompanhando que começamos a treinar e competir, e hoje todos nós competimos, somos campeões e líderes do ranking estadual. Mas os nossos filhos são nosso maior motivo, nós vamos para estar com eles”, destacou a policial.

O currículo da família é vitorioso. Os cinco membros são campeões em suas categorias, desde o infantil, juvenil, adulto e máster, respeitando as faixas etárias e pesos.

Giovanna é campeã mundial e bi campeã brasileira. Assim como ela, Ana Paula, Murilo, Augusto e Lucimara são campeões estaduais. “Treinamos todos os dias no mesmo horário. Costumo falar que foi algo maravilhoso. Uniu mais a família. A minha profissão e do meu marido é corrida, e a noite temos esse momento reservado para as crianças”.

O cronograma de competições para este ano está sendo definido. A família toda participará do Campeonato Brasileiro Centro-Oeste, que ocorrerá entre os dias 25 e 26 de agosto em Campo Grande e será realizado pela CBJJD (Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu Desportivo).


Parceiros

volta ao topo